Será que as eleições vão atrapalhar a imigração para o Canadá?

Voto no Canadá

É improvável que as eleições tenham um grande impacto no sistema de imigração do Canadá. Apesar da retórica, a história recente mostra que os liberais e conservadores do Canadá têm muito em comum quando se trata de imigração.

Com a campanha eleitoral federal em andamento, uma pergunta comum é como a votação de 21 de outubro pode afetar o sistema de imigração do Canadá.

Uma maneira de responder a essa pergunta é avaliar a história recente para ter uma ideia de como seria o sistema de imigração do Canadá nos próximos anos.

Pesquisas de opinião pública por todo o Canadá  mostram que os liberais e conservadores estão teoricamente empatados  à frente da pesquisa. Com suas políticas de imigração baseadas nos princípios que datam do final dos anos 80, é razoável inferir que os principais componentes do sistema de imigração permanecerão estáveis ​​após 21 de outubro, independentemente de qual partido seja eleito.

Níveis de imigração

A entrada de imigrantes no Canadá deve permanecer acima de 300.000 por ano, independentemente do resultado da eleição. Desde o final dos anos 80, quando os conservadores decidiram dobrar os níveis de imigração para mais de 200.000 recém-chegados anualmente, ambas as partes usaram seu tempo no poder para continuar a política de níveis crescentes. Isso se deve ao consenso bipartidário de que altos níveis de imigração são necessários para aliviar a tensão econômica e fiscal causada pelo envelhecimento da população do Canadá e pela baixa taxa de natalidade.

Quando governaram pela última vez entre 2006 e 2015, os conservadores aumentaram constantemente os níveis de imigração para cerca de 260.000 recém-chegados por ano – em comparação com os cerca de 225.000 recém-chegados recebidos pelos liberais por ano entre 1996 e 2005.

A principal diferença hoje, no entanto, é que a taxa de aposentadoria do Canadá está se acelerando devido aos mais de 9 milhões de baby boomers que devem atingir a idade de aposentadoria (65 anos) na próxima década. Isso significa que a necessidade de sustentar altos níveis de imigração é ainda mais importante para a economia do Canadá do que era no passado.


Quem são os imigrantes?

Uma área notável de divergência entre as duas partes refere-se à composição dos recém-chegados ao Canadá. Sob o governo conservador anterior, cerca de 63% dos imigrantes do Canadá chegaram na chamada classe econômica(as residências permanentes ligadas de alguma forma ao trabalho), 27% na classe familiar e 10% como refugiados.

Desde 2015, os liberais têm enfatizado mais a classe de refugiados, aumentando sua participação para cerca de 15%, enquanto reduzem a parcela da classe econômica para cerca de 58% (mantendo a parcela da classe familiar inalterada).

De acordo com o Plano de Níveis de Imigração 2019-2021 do Canadá, os liberais pretendem manter essa composição por pelo menos os próximos dois anos.

Com base em seus registros quando governaram pela última vez e em suas declarações públicas, os Conservadores provavelmente aumentariam a parcela da classe econômica para acima de 60%, enquanto reduziam a parcela da classe de refugiados. A plataforma oficial da campanha conservadora, por exemplo, afirma que eles “salvaguardarão e enfatizarão a imigração econômica” se vencerem as eleições.


Financiamento da integração dos recém-chegados ao Canadá


Ambas as partes vizualizaram um aumento maciço no financiamento de serviços ao Imigrante no Canadá pelos últimos 20 anos. O financiamento é destinado a serviços que ajudam os recém-chegados a integrar-se à economia e à sociedade do Canadá, como treinamento em inglês e francês e apoio a empregos.

O orçamento de acordo federal agora é de cerca de US $ 1,5 bilhão por ano, o que representa um aumento de cinco vezes em comparação com o ano fiscal de 2000-01. Os liberais começaram a política de aumentar esse orçamento  na virada do milênio,  política que os conservadores continuaram durante seus nove anos no poder.

Ambas as partes estão preparadas para manter altos níveis de imigração, o que sugere que o financiamento dos assentamentos não será afetado. Os conservadores estão em campanha para equilibrar o orçamento federal dentro de cinco anos após a obtenção do poder, o que pode resultar em preocupações de que os apoios aos assentamentos sejam cortados. No entanto, vale observar que os conservadores aumentaram o financiamento dos assentamentos ao equilibrar o orçamento que antecedeu as eleições de 2015.

Espere estabilidade


Não há dúvida de que os liberais e conservadores diferem em questões substantivas de imigração, como política de cidadania e como lidar com pedidos de asilo. Mas, na maioria das vezes, eles têm muito mais em comum no projeto de imigração do que você pode imaginar.

Isso leva a crer que o sistema de imigração do Canadá continuará o padrão das últimas décadas, que viu o país aumentar os níveis de recém-chegados e seu investimento em talentos globais.

Fonte: https://www.cicnews.com/2019/09/analysis-election-unlikely-to-have-major-impact-on-canadas-immigration-system-0912770.html#gs.6unjv8