Quebec Experience Program reabre para inscrições de Pós-graduados

Estudantes internacionais que se formarem em Quebec podem, mais uma vez, aplicar para residência permanente por meio do Programa de Experiência em Quebec (Quebec Experience Program – PEQ).

O Ministério da Imigração de Quebec (MIFI) reabriu o programa em 1º de novembro, depois de suspendê-lo em julho.

Trabalhadores estrangeiros temporários, com experiência de trabalho qualificada em Quebec, podem continuar se candidatando ao PEQ como antes.

Novos critérios de elegibilidade para o PEQ entra em vigor para graduados e trabalhadores.

Os pedidos novos e pendentes para os programas de graduados e trabalhadores estrangeiros temporários do PEQ agora terão que atender aos requisitos atualizados de elegibilidade anunciados no início desta semana.

Os estudantes internacionais que concluírem um programa de pelo menos 900 horas (um ano) em Quebec agora podem se inscrever no PEQ, desde que tenham pelo menos seis meses de experiência profissional na área em que se graduaram. Essa experiência não é requisista aos estudantes que completarem um programa de pelo menos 1,800 horas (2 anos) ou mais.

Todos os graduados internacionais que se inscreverem no PEQ devem agora ter treinamento em uma das áreas de treinamento qualificada. Link: http://www.immigration-quebec.gouv.qc.ca/publications/fr/peq/LIS-domaines-formation-peq-etudiants.pdf

Agora, os requisitos atualizados de experiência de trabalho também estão em vigor para trabalhadores estrangeiros temporários, cujo trabalho é classificado como nível de habilidade C ou D, de acordo com a Classificação Nacional de Ocupação (NOC) do Canadá.

Esses candidatos devem ter 18 meses de experiência profissional, enquanto os candidatos que trabalham em uma ocupação sob demanda classificada como tipo de habilidade/nível 0, A ou B requerem apenas 12 meses de experiência profissional.

À partir de 1º de janeiro de 2020, os requisitos de idioma para estudantes e trabalhadores, assim como seu cônjuge ou parceiro emunião estável, também serão alterados.

Os candidatos e seu cônjuge ou parceiro emunião estável deverão demonstrar um conhecimento intermediário avançado do francês oral (falado) por meio de:

• teste de idioma padronizado reconhecido pelo governo do Quebec; ou

• satisfazer os critérios de língua francesa estabelecidos pela ordem profissional que rege sua ocupação no Quebec; ou

• completar pelo menos três anos de estudos em tempo integral em francês nos níveis secundário ou pós-secundário

Se você tem o nível de Francês suficiente para ser aceito em uma instituição de ensino Canadense, essa pode ser sua oportunidade para conseguir a tão sonhada imigração.

A Canada Journal é uma agência de consultoria educacional que está há 38 anos no mercado Canadense e possui parceria com mais de 100 instituições de ensino no país.

Agenda sua consultoria gratuita e vamos colocar seu plano de imigração para o Canadá em ação!